segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Lembrança de morrer, Álvares de Azevedo - Poema/ Questões Objetivas/ Gabarito

Quando em meu peito rebentar-se a fibra,
Que o espírito enlaça à dor vivente,
Não derramem por mim nenhuma lágrima
Em pálpebra demente.

E nem desfolhem na matéria impura
A flor do vale que adormece ao vento:
Não quero que uma nota de alegria
Se cale por meu triste passamento.

Eu deixo a vida como deixa o tédio
Do deserto, o poento caminheiro,
– Como as horas de um longo pesadelo
Que se desfaz ao dobre de um sineiro;

Como o desterro de minh’alma errante,
Onde fogo insensato a consumia:
Só levo uma saudade – é desses tempos
Que amorosa ilusão embelecia.

Só levo uma saudade – é dessas sombras
Que eu sentia velar nas noites minhas…
De ti, ó minha mãe, pobre coitada,
Que por minha tristeza te definhas!

De meu pai… de meus únicos amigos,
Poucos - bem poucos – e que não zombavam
Quando, em noites de febre endoidecido,
Minhas pálidas crenças duvidavam.

Se uma lágrima as pálpebras me inunda,
Se um suspiro nos seios treme ainda,
É pela virgem que sonhei… que nunca
Aos lábios me encostou a face linda!

Só tu à mocidade sonhadora
Do pálido poeta deste flores…
Se viveu, foi por ti! e de esperança
De na vida gozar de teus amores.

Beijarei a verdade santa e nua,
Verei cristalizar-se o sonho amigo…
Ó minha virgem dos errantes sonhos,
Filha do céu, eu vou amar contigo!

Descansem o meu leito solitário
Na floresta dos homens esquecida,
À sombra de uma cruz, e escrevam nela:
Foi poeta - sonhou - e amou na vida.

Sombras do vale, noites da montanha
Que minha alma cantou e amava tanto,
Protegei o meu corpo abandonado,
E no silêncio derramai-lhe canto!

Mas quando preludia ave d’aurora
E quando à meia-noite o céu repousa,
Arvoredos do bosque, abri os ramos…
Deixai a lua pratear-me a lousa!
Autor: (Álvares de Azevedo)

Exercícios
01. A vontade do poeta é a de que após sua morte
a) derramem-se muitas lágrimas.
a) todos fiquem tristes.
c) não se cale a alegria.
d) enfeitem-no com flores.

02. A partir da leitura das primeiras estrofes do poema, conclui-se que a morte para o poeta significa
a) sacrifício              b) desespero          c) castigo                d) libertação

03. O sentimento que os poucos amigos e os pais do poeta despertam nele no momento da morte é de
a) pena                    b) saudade             c) revolta               d) gratidão

04. Na sétima estrofe, percebe-se que o poeta  teve uma relação amorosa
a) sensual                   b) platônica          c) conflituosa           d) tranquila

05. O poeta deseja que ao ter o seu leito solitário na floresta, ele obtenha da natureza
a) proteção                b) companherismo           c) compaixão          d) amizade

06. Álvares de Azevedo é considerado um poeta ultrarromântico. De acordo com o que o texto apresenta, qual característica não faz parte das poesias ultrarromânticas?
a) a visão da morte como refúgio ideal.
b) o sentimentalismo.
c) temas sociais e políticos.
d) a idealização da mulher amada.

GABARITO: 1.c 2. d 3. b 4. b 5. a 6. c

40 comentários:

  1. Que exercício bom! É perfeito para trabalhar as características do Ultrarromantismo.

    ResponderExcluir
  2. Quando em meu peito rebentar-se a fibra ,
    Que o espírito enlaça à dor vivente,
    Não derramem por mim nenhuma lágrima
    Em pálpebra demente.

    ResponderExcluir
  3. Só tu à mocidade sonhadora
    Do pálido poeta deste flores…
    Se viveu, foi por ti! e de esperança
    De na vida gozar de teus amores.

    ResponderExcluir
  4. E nem desfolhem na matéria
    impura
    A flor do vale que adormece ao vento:
    Não quero que uma nota de alegria
    Se cale por meu triste passamento.

    ResponderExcluir
  5. Sombras do vale, noites da montanha

    Que minha alma cantou e amava tanto,
    Protegei o meu corpo abandonado,
    E no silêncio derramai-lhe canto!

    ResponderExcluir

  6. Se uma lágrima as pálpebras me inunda,
    Se um suspiro nos seios treme ainda,
    É pela virgem que sonhei
    … que nunca
    Aos lábios me encostou a face linda!

    ResponderExcluir
  7. Mas quando preludia ave d’aurora
    E quando à meia-noite o céu repousa,
    Arvoredos do bosque
    , abri os ramos…

    ResponderExcluir
  8. Só levo uma saudade – é desses tempos
    Que amorosa ilusão embelecia.

    ResponderExcluir
  9. A partir da leitura das primeiras estrofes do poema, conclui-se que a morte para o poeta significa o que?

    ResponderExcluir
  10. Álvares de Azevedo é considerado um poeta ultrarromântico
    . De acordo com o que o texto apresenta, qual característica não faz parte das poesias ultrarromânticas?

    ResponderExcluir
  11. Seu site
    já está em meus favoritos, parabéns pela iniciativa

    ResponderExcluir
  12. Incrível as atividades
    , gostei muito! Ajuda bastante nos estudos diários!

    ResponderExcluir

  13. Analisei seu blog
    e vi que possui muitas atividades que ajudam os professores, parabéns!

    ResponderExcluir
  14. Inclusive, já passei algumas para meus alunos
    e eles adoraram!

    ResponderExcluir
  15. Excelente exercícios, poderia postar mais sobre a nova ortografia
    . Obrigada!

    ResponderExcluir
  16. Só de analisar as atividades, vejo o quanto que seu site
    é bom!

    ResponderExcluir
  17. Com o gabarito
    tudo fica mais fácil, dá mais segurança pra corrigir depois!

    ResponderExcluir
  18. Vejo o quanto os materiais fornecidos aqui são de suma importância para o aprendizado.

    ResponderExcluir

  19. Super interessante os artigos colocados aqui
    , tem alguns que são novidade pra mim..

    ResponderExcluir

  20. O ideal seria colocar atividades de todas as matérias seu blog
    , o que acha?

    ResponderExcluir


  21. Entro constantemente no seu site
    para estudar..

    ResponderExcluir
  22. Salvo todos os artigos em um arquivo
    e sempre tô olhando pra não esquecer rs

    ResponderExcluir

  23. Como é gratificante encontrar artigos como este
    , bem interessante.

    ResponderExcluir
  24. Faço projeto de estudos com crianças aqui na minha cidade, adorei seu site
    !

    ResponderExcluir
  25. O ideal seria vc expor atividades de outras matérias
    também, né?

    ResponderExcluir
  26. Já havia entrado em um dos seus artigos, por isso estou sempre por aqui
    rs

    ResponderExcluir

  27. Grande benefício para os leitores ter artigos
    como estes, parabéns!

    ResponderExcluir
  28. Seria possível colocar atividades
    relacionadas a orações subordinadas?

    ResponderExcluir

  29. Preciso ter algumas atividades para complementar meu plano de aula

    ResponderExcluir
  30. Os assuntos
    abordados são de suma importância para quem estuda a língua portuguesa.


    Deveria colocar mais questões relacionadas a adjuntos
    adverbiais.

    ResponderExcluir

  31. Já olhei algumas de suas atividades
    , são excelentes!

    Seu site
    não precisa de mais nada, conteúdos muito bons!

    ResponderExcluir