domingo, 14 de agosto de 2011

Vandalismo, Augusto dos Anjos - Poema/ Questões objetivas/ Gabarito

Vandalismo
                                                                                                Augusto dos Anjos



Meu coração tem catedrais imensas,
Templos de priscas e longínquas datas
Onde um nume de amor, em serenatas,
Canta a aleluia virginal das crenças.

Na ogiva fúlgida e nas colunatas
Vertem lustrais irradiações intensas
Cintilações de lâmpadas suspensas
E as ametistas e os florões e as pratas.

Como os velhos Templários medievais
Entrei um dia nessas catedrais
E nesses templos claros e risonhos...

E erguendo os gládios e brandindo as hastas,
No desespero dos íconoclastas
Quebrei a imagem dos meus próprios sonhos!



VOCABULÁRIO
Priscas: antigas
Nume: divindade
Aleluia: canto de alegria
Ogiva: arcada formada de arcos que se cortam na parte superior fazendo um ângulo agudo
Fúlgida: brilhante, cintilante
Lustral:que purifica
Florão: ornato de ouro e pedras preciosas de flor
Gládio: espada da dois gumes
Hastas: lanças
Iconoclastas: destruidor de imagens ou de ídolos
Templários: cavaleiros da Ordem do Templo

01. Nas primeiras estrofes, as imagens visuais e auditivas somam-se e desvendam, de forma plástica e viva, o mundo interior do “eu” do poema. Que expressão sugere uma imagem auditiva?


a) catedrais imensas
b) canta a aleluia virginal das crenças
c) longínquas datas
d) templos de priscas



02. De acordo com as informações sobre as três estrofes iniciais, podemos dizer que permanece a ideia de:


a) amor, claridade e antiguidade
b) descrença, obscuridade e antiguidade
c) sonho, imprecisão e claridade
d) crença, claridade, beleza



03. No poema o eu lírico compara-se a:


a) catedrais
b) velhos templários medievais
c) ametista e florões
d) lâmpadas suspensas


04. As palavras da quarta estrofe remetem a ideia de:


a) reconstrução
b) indecisão
c) destruição
d) apreciação



05. Analisando o poema e considerando o seu título “Vandalismo”, podemos estabelecer que o tema do poema é:
a) Angústia ante a dissolução lenta de todas as imagens do próprio sonho.
b) Profunda angústia ante a decomposição fatal da carne.
c) Descrença na dimensão espiritual do ser humano.
d) O homem reduzido a matéria.

06. Qual característica de Augusto dos Anjos pode ser observada no poema?
a) uso de termos antipoéticos
b) inovação no tom coloquial e cotidiano da linguagem
c) influência simbolista, carga pessimista, anseios e angústias
d) uso de termos científicos

Gabarito: 1. b 2. a 3. b 4.c 5.a 6.c

3 comentários:

  1. Adorei isso !! Vou visitar o blog mais vezes ^^ ..

    ResponderExcluir
  2. bom dia , eu gostaria de saber o que a de pernasiano na estrutura formal do texto ?

    ResponderExcluir
  3. Acertei tudo, muito fácil!!
    O cara é Demais!

    ResponderExcluir